Todos os dias a cidade tem novidades. Sonhos e acções que devem ser contados. Um serviço para Sapo.pt
14 de Junho de 2007

Uma mulher de 51 anos faleceu a caminho do Hospital de Évora devido a paragem cardio-respiratória. A vitima residia perto do Centro de Saúde de Vendas Novas, que deixou de ter serviço permanente de atendimento, tendo sido encaminhada pelo INEM para o Hospital do Espirito Santo, a cerca de 50 quilómetros de distância.

Em comunicado, o município de Vendas Novas atribui ao governo a responsabilidade política pela morte da mulher, devido à ausência de assistência médica necessária e em tempo útil, na sequência do fecho das urgências da cidade.

A Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo ameaçou, processar o presidente da Câmara de Vendas Novas, por este ter responsabilizado politicamente o Governo pela morte de uma mulher no seu município.
Rosa Matos lamenta o sucedido em Vendas Novas, mas repudia o aproveitamento desta sitaução dramática. A Presidente da ARS Alentejo pondera responsabilizar José Figueira pelas afirmações que tem vindo a proferir».

publicado por EOL às 07:59
Junho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
16
17
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
"Emigração" é já hoje a palavra de ordem... Infeli...
Agradece-se publicidade ou colaboração na divulgaç...
Sem demérito para a citada, informo que a D. Ferna...
blogs SAPO