Todos os dias a cidade tem novidades. Sonhos e acções que devem ser contados. Um serviço para Sapo.pt
17 de Julho de 2007


No próximo dia 22 de Julho, domingo, às 19h00, nos Claustros do Convento dos Remédios, o “Scherzo Ensemble” apresenta-se em Concerto para interpretar Zarzuelas. Promovido pelo Eborae Mvsica e integrado no VIII Ciclo de Concertos “Música nos Claustros” os intérpretes Angélica Neto, Soprano; Liliana Bizineche, Mezzo Soprano; Vitor Paiva, Tenor; João Miranda, Baixo; Alexander Stewart, Violino; Luís Sá Pessoa, Violoncelo e Mercedes Cabanach, em Piano.
Depois de no dia 13 de Julho o Grupo "4 por 4" ter interpretado, com sucesso, temas de Zeca Afonso para mais de 130 pessoas, a proposta para domingo é expressa pela música de câmara e pelo o canto lírico que percorrem a Zarzuela, num encontro com uma das formas mais populares da música espanhola. Programa: Canción espanhola “El niño judio”, de Pado Luna; Tempo de Jota “El guitarrico”, de Perez Soriano; Duo de Felipe e Mari-Pepa “La Revoltosa”, de R. Chapí; Duo de Paloma e Lamparilho - “El barberillo de lavapiés”, de A. Barbieri; Em mi terra estremeña “Luisa Fernanda”, de F. Moreno; Mazurca de las sombrilhas “Luisa Fernanda”, de F. Moreno; Despierta Negro “La Tabernera del Puerto”, de P. Sorozabal; Cuplé Babilonico “La Corte del Faraón”, de Lleó; Andaluza “Danzas españolas”, de E. Granados; Caballero de Gracia “La Gran via”, de F. Chueca/J. Valverde; Callate corazón “Luisa Fernanda”, de F. Moreno; Canción de Paloma “El barberillo de lavapiés”, de A. Barbieri; Chotis de Eliseu Madrileño “La Gran via”, de F. Chueca/J. Valverde e Seguidillas “La verbena de Paloma”, deBréton.
O Scherzo Ensemble é um projecto que engloba duas vertentes musicais (Música de Câmara e Canto Lírico). O seu repertório vai desde as canções clássicas com temas populares de todo o mundo compostas por L. W. Beethoven, Operetas como por exemplo “Viúva Alegre” cantada em português e Zarzuelas de diversos autores. Pretende, desta forma, abranger diversos públicos através da diversidade dos programas.
Intérpretes: Angélica Neto estudou no Conservatório de Música do Porto, trabalhou com Rudolf Knoll nos Cursos de Música da Cidade do Porto. É presentemente elemento do coro do Teatro Nacional de S. Carlos. Tem participado como solista em algumas obras executadas pelo CTNSC, bem como em concertos em Almada e Seixal. Liliana Bizineche nasceu na Roménia, estudou canto com Valentina Cretoiu e diplomou-se no Conservatório de Cluj. Tem interpretado compositores como Donizete, Berilos, Tchaikovsky, Debussy e Janacek”. Iniciou a sua carreira internacional no papel de Charlotte na ópera “Werther” de Massenet, no Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa, ao lado do famoso tenor Alfredo Kraus. Victor Paiva concluiu o Curso Superior de Canto no Conservatório Nacional de Música de Lisboa, no qual frequentou as classes dos Professores Joana Silva e Hugo Casais. Estudou canto com a cantora Elisette Bayan, Bizineche. Como solista as últimas obras foram “Requiem de Mozart”, “Requiem de Dvorak” e a “Missa de Handel”. João Miranda é membro do Coro do Teatro Nacional de S. Carlos. Estudou canto com o maestro A. C. Medina e actualmente com o Professor Helmut Lipps. Trabalha regularmente com os maestros João Paulo Santos e Fernando Fontes. Como concertista canta regularmente em recitais e participou em várias obras. Alexander Stewart inicia os seus estudos aos 6 anos com seu pai Walter Stewart. Estudou na Kings School onde recebeu diversos prémios. Em 1989 torna-se membro da Orquestra do Teatro Nacional de S. Carlos. É membro fundador do quarteto Lacerda. Luís Sá Pessoa inicia os estudos com Pilar Torres no Conservatório Nacional de Lisboa e completou o Curso Superior em 1983. Actualmente é professor de violoncelo e violoncelista dos trios “Scherzo” e “Scherzo Ensemble”. Mercedes Cabanach inicia os estudos no Conservatório de Música de Barcelona. Aos 16 anos obtém uma bolsa de estudos para o Mozarteum em Salzburg (Áustria), onde se especializa em Música de Câmara. Vem para Portugal pela primeira vez a convite de Armando Jorge. É pianista fundadora do Trio Scherzo e do Scherzo Ensemble.



A programação de Julho termina dia 28, às 21h30, com o Recital de Canto e Piano por Natasa Pinto e Anne Kassa. O Ciclo de Concertos “Musica nos Claustros” continua em Setembro. O Eborae Mvsica é uma estrutura financiada pelo Ministério da Cultura, Delegação Regional da Cultura do Alentejo e Instituto das Artes e que tem, também, o apoio da Câmara Municipal de Évora e da Direcção Regional de Educação do Alentejo, a nível do Ensino da Música. Este Ciclo tem também o apoio da Antena 2, Diário do Sul e Rádio Diana.

publicado por EOL às 09:32
Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
15
arquivos
2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
"Emigração" é já hoje a palavra de ordem... Infeli...
Agradece-se publicidade ou colaboração na divulgaç...
Sem demérito para a citada, informo que a D. Ferna...
blogs SAPO